Contas e Cantos do Rosário

https://www.youtube.com/watch?v=WbQnynWLT7M
 Cultura e Educação    Serro - MG  

Esse projeto terá sua renda revertida para a comunidade de Congadeiros do Serro.

Contas e Cantos do Rosário


R$ 13.570
113% de R$ 12.000 necessários

136
pessoas já apoiaram esse projeto!
Período de arrecadação encerrado
Ver recompensas

Sobre o Projeto


A pesquisa que virou livro



O livro Contas e Cantos do Rosário reúne um pouco das histórias e dos símbolos da Festa do Rosário do Serro. Falar sobre a Festa do Rosário é uma tarefa difícil, é uma tradição que atravessa séculos e vem de longe... Esse livro é um estudo histórico sobre essa tradição. Mas não é só isso, ele também faz parte de um projeto cultural e social que pretende dar visibilidade à comunidade de Congadeiros do Serro e fortalecê-la economicamente.




Quem são os congadeiros do Serro? 



O Serro é uma cidade de aproximadamente 20 mil habitantes, onde se encontram as nascentes do Rio Jequitinhonha.


Os Congadeiros do Serro dividem-se em três grupos: caboclos, marujos e catopês. Eles são os dançantes de Nossa Senhora do Rosário nessa grandiosa festa do catolicismo afromineiro.

Os catopês representam a ancestralidade africana, descendem dos povos escravizados pra cá trazidos. Os caboclos representam a força indígena, potente e irreverente. Os marujos simbolizam os antigos soldados e cativos do mar, aqueles que participaram das guerras da Conquista...


Durante os dias da Festa do Rosário eles saem às ruas, lindamente fardados, tocando tambores com seus toques ancestrais, cantando e dançando as suas tradições, fazendo seus rituais e rezas, atraindo milhares de pessoas à cidade.


No dia a dia, os congadeiros são pessoas simples, moradores da cidade do Serro, motoristas, serventes, agricultores, pedreiros, mecânicos, babás... enfim, é o povo do Brasil profundo que merece ser reconhecido.



Por que esse projeto é importante?


A Festa do Rosário do Serro este ano não será realizada. A festa é uma importante fonte de recursos para toda a cidade. É também um importante momento social e coletivo, de afetos e memórias. Esse livro, por um acaso do destino, fica pronto justo nesse momento, e tem o compromisso de destinar a sua renda para os Congadeiros do Serro.



A Autora



Meu nome é Daniela Passos. Sou natural do Rio de Janeiro, mas moro há 7 anos no Vale do Jequitinhonha, perto das suas nascentes, no município do Serro. Sou atriz, cantora, ativista cultural e pesquisadora, sempre envolvida com a cultura popular. O que me levou para o sertão mineiro foi justamente a Festa do Rosário, uma paixão arrebatadora e à primeira vista.


Esse é meu lugar de fala. Sou uma mulher não negra de origens urbanas. Tenho profundo respeito por essa cultura e essa comunidade que tanto me ensinam. Esse livro simboliza a minha devolutiva e a minha gratidão ao Povo do Rosário do Serro.



O que será feito com o dinheiro



Batendo a meta de 12.000,00:

Imprimimos uma tiragem de 1000 exemplares, pagamos todos os custos e enviamos todos os livros.


MAS o projeto é mais que isso! E nosso verdadeiro objetivo é


Bater a meta de 18.500,00!

Assim, imprimimos 1000 exemplares do livro, enviamos e entregamos R$ 5.500,00 para a comunidade do Serro!

Acima desse valor, toda arrecadação (menos custo de envio e percentual da Evoé) vai para a comunidade.


Acompanhe aqui toda a movimentação do projeto!




OBS: este projeto conta com o apoio do Conselho de Patrimônio do Serro e da UFVJM.








@danielapassos.presente (instagram)

contasdorosario.livro@gmail.com


Atualizações


22/07/2020 17:17

Batemos 70% da meta

Estamos cada vez mais perto! Que alegria ver que essa rede é poderosa!

Essa conquista é de todos nós! Muito obrigada a todos!



Arquivo anexo:
Fazer download

Apoiadores

136 pessoas já apoiaram esse projeto!

© 2019 Evoé Cultural. All rights reserved