MIRADAS DE AFETO por Anna Göbel - Eixo TERRA (Glances of Affection * Earth)

https://youtu.be/SHKJ0yuyBO4
 Artes Visuais    Belo Horizonte - MG  
?
Esse projeto fica com o dinheiro independente de alcançar a meta ou não.
Projeto Flexível

Ajude-nos a ressignificar espaços urbanos em Jaboticatubas, Simonésia e Ribeirão das Neves, promovendo o cultivo sustentável da terra.

Instituto Periférico (AMICULT)


R$ 1.270
7% de R$ 17.850 necessários

8
pessoas já apoiaram esse projeto!
52 dias para o projeto acabar
Você pode contribuir com este projeto até o dia 25/01/2021 às 23h59m
Ver recompensas

Sobre o Projeto


Miradas de Afeto é um projeto concebido pela artista Anna Göbel, apoiado pelo Instituto Periférico, que tem por objetivo valorizar a autoestima das comunidades, estimular o cuidado de espaços de convivência coletiva e a conscientização ambiental, cidadã e participativa. Anna Göbel retrata em seus murais, os sonhos, aspirações e desejos das comunidades. Por meio da técnica de muralismo, o projeto promove a revitalização de muros, fachadas e becos a partir de elementos lúdicos e coloridos vinculados à história e às memórias afetivas de cada local. 


Sua doação nos ajudará a levar esse projeto à outras comunidades em Minas Gerais. 


A intenção é trabalhar 12 murais divididos em 4 eixos temáticos (água, terra, fogo e ar) que deixarão como legado a revitalização de espaços comunitários importantes e a disseminação da possibilidade da própria comunidade praticar o cuidado através da pintura em outros locais. 


Cada eixo será desenvolvido a partir de um tema relevante para as comunidades impactadas. E compreende a realização de 3 murais em locais distintos, registro em fotos e vídeos destas intervenções e edição de 1 vídeo documentário "semente" que abarca o conjunto das obras, com a explicação do tema retratado nas mesmas. A disseminação dos vídeos funcionará como um incentivo para que outras populações adotem práticas similares em seus territórios e cultivem seus sonhos. 



A meta atual corresponde à realização do eixo TERRA, para as cidades de Jaboticatubas (Amanu - Educação, Ecologia e Solidariedade), Simonésia (EFA - Escola Família Agrícola) e Ribeirão das Neves (Ocupação Tomás Balduino CSA), em parceria com a Rede Intercâmbio de Tecnologias Alternativas, para abordagem de tema relacionado ao cultivo sustentável da terra. 


A agricultura orgânica oferece alternativas, baseadas na premissa de que o uso humano das terras e seu esgotamento em nutrientes não são fatores mutuamente excludentes. É possível aproveitar o que o solo tem a nos oferecer dando em troca um tratamento mais consciente e ecológico para o mesmo. Cooperação e diversidade se mostram como pilares que inspiram uma sociedade na apreciação da vida como valor comum e compartilhado.


Glances of Affection is a cultural and social impact program. Anna Göbel portrays the dreams, aspirations and desires of the communities on her murals. Your donation will help us take this project to other communities in Minas Gerais. Each axis, converted into a fundraising goal, will be developed based on a relevant theme for the impacted communities.


The axis "earth" will reach the cities Jaboticatubas, Simonésia e Ribeirão das Neves to embrace the sustainable land cultivation.





Os valores arrecadados no projeto serão empregados prioritariamente para custeio de cachê artístico, compra de material de pintura e cobertura de despesas de logística de deslocamento da artista Anna Göbel e equipe de produção do Instituto Periférico, e também, para gravação e edição dos vídeo documentários. Uma pequena parcela será destinada a cobertura de despesas administrativas do projeto.


O valor total do Eixo TERRA é de R$ 17.850,00, sendo:


  • 1a intervenção: R$ 7.830,00
  • 2a intervenção: R$ 4.370,00.
  • 3a intervenção: R$ 4.370,00.
  • Edição e finalização do Vídeo Semente: R$ 1.280,00.


Caso a meta estabelecida não seja plenamente alcançada, os recursos captados serão remanejados para produção de, pelo menos, 1 intervenção em mural e 1 vídeo documentário em uma das cidades estabelecidas para este eixo.


As recompensas ofertadas nestas campanha estão estruturadas em obras de Anna Göbel, para que o doador possa se conectar diretamente com o projeto e guardar um pedacinho do mesmo em sua casa. Um sonho que se sonha juntos!


Anna Göbel é artista plástica, escritora, ilustradora, professora, performer, que encarna o impulso da arte social. 


Com origem alemã, mas nascida na Espanha e criada entre Alemanha e Argentina, mora no Brasil desde 1995. É formada em artes plásticas e pedagogia pela Universidade de Belas Artes de Buenos Aires (ARG). Participou de mais de 50 exposições individuais e coletivas, que incluem xilogravuras, pinturas, instalações e murais, em países como Alemanha, Argentina, Chile, Finlândia e Brasil. No Brasil publicou 15 livros autorais e também foi ilustradora de importantes autores brasileiros. Desenvolve ao longo dos anos um trabalho de interação das artes e linguagens através do uso artístico do retroprojetor. Como educadora social, com formação também em pedagogia Waldorf, além de sua atividade docente, vem realizando trabalhos em comunidades rurais e indígenas e ultimamente intervenções artísticas urbanas, que na maioria das vezes inclui trabalhos coletivos e em parceria com associações comunitárias, centros educativos, centros de saúde e projetos sociais.


Anna Göbel is a visual artist, writer, illustrator, teacher and performer. She brings within herself a socially engaged art impulse.


Sobre os parceiros: 


A Rede de Intercâmbio de Tecnologias Alternativas (REDE) é uma organização da sociedade civil, sem fins lucrativos, criada em 1986, que atua na construção da agroecologia no campo e na cidade. A REDE tem por objetivo colaborar com o fortalecimento de iniciativas agroecológicas, principalmente nas dimensões da produção, da construção social de mercados e da organização popular. Sua ação acontece junto às agricultoras/es familiares e urbanas/os da região metropolitana de Belo Horizonte e arredores e do Leste de Minas Gerais. Como seu nome anuncia e a partir dos conhecimentos e aprendizagens vindos de sua interação nesses territórios, a REDE se conecta com outras instituições em processos regionais, estadual e nacional. As parcerias e os diálogos com diferentes campos do conhecimento favorecem o desenvolvimento de ações de incidência política, bem como a elaboração coletiva e o controle social de políticas públicas relacionadas à agricultura familiar, agricultura urbana e agroecologia. Inspirada pelo espiral da vida, a REDE está em constante movimento para renovar e consolidar suas estratégias e caminhos rumo a uma sociedade mais justa. A REDE afirma seu compromisso com a luta dos povos e pela garantia de direitos que colocam a reprodução da vida e o cuidado com os bens comuns sempre à frente dos interesses econômicos e da exploração da natureza. http://redemg.org.br


Xande Pires é diretor, produtor e cineasta, trabalha há 23 anos com audiovisual. Formado em Comunicação social pela PUC Minas, pós graduando em Artes pela Escola Guignard. Fundador da produtora Imago Filmes em 1997, dirigiu e produziu diversos documentários, videodança, e videoclipes para artistas de Minas e do Brasil. Dentre os ducumentários produzidos estão Ô, de casa! sobre brincadeiras de crianças do interior de minas, As Iracemas, sobre 4 gerações de mulheres e Narradores, sobre 60 anos da comunicação e das copas do Mundo. Produziu e dirigiu uma série pra EBC de 5 episódios chamada O céu de lá.


Fotos, vídeos e outras informações sobre o projeto estão disponíveis em https://www.institutoperiferico.org/miradasdeafeto


Instituto Periférico embraces the Glance of Affections project as executive producer and partner. 


Atualizações


27/10/2020 09:00

AOS POUQUINHOS VAMOS NOS APROXIMANDO DA NOSSA META!

Olá apoiador! Com pequenos passos vamos nos aproximando das nossas metas de levar alegria e cor às comunidades mineiras! Nossa gratidão aos que já colaboraram e, mais uma vez, nosso pedido que nos ajudem na divulgação. Se você colaborou adquirindo uma recompensa, em breve receberá o regalo no endereço indicado.


Devido ao COVID-19, pensando sempre na segurança de todos os envolvidos, nosso projeto será executado no primeiro semestre de 2021, logo após a estação de chuvas! Então vamos em frente. De pouquinho em pouquinho, chegaremos aos municípios escolhidos e, quem sabe, a muitos outros!

Apoiadores

8 pessoas já apoiaram esse projeto!

© 2019 Evoé Cultural. All rights reserved